Publicidade
Fofocalizando

Silvio Santos não vai me trocar por um robô, diz Leão Lobo

Em quarentena, jornalista de 66 anos quer voltar para o SBT

09/05/2020 16h19
Por: Valber Alves
Fonte: Na Telinha
27
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Com a "promoção" de Fofobyte, robô que caiu nas graças de Silvio Santos, como ficará o emprego de Leão Lobo? Enquanto o jornalista de 66 anos respeita a quarentena, o dono do SBT rebatizou o Fofocalizando para Triturando e aumentou o espaço do personagem que "tritura" famosos.

Leão Lobo é o único remanescente do programa vespertino, que nasceu como Fofocando, virou Fofocalizando e, desde a última sexta-feira (8), Triturando. Embora retorne à TV somente após o fim da quarentena, por estar no grupo de risco de contrair coronavírus, o jornalista não teme ser trocado pelo robô.

"Não vou perder para o Fofobyte. Se perder meu trabalho, seria para outra pessoa, mas não para ele. Fofobyte não faz fofoca", alfineta o colega de programa em entrevista ao NaTelinha. "Pelo menos foi o que me passaram", pondera.

Além de Leão, Décio Piccinini (74 anos) deixou o Fofocalizando para cumprir a quarentena. O Triturando conta, além de Fofobyte, com Chris Flores na apresentação e Lívia Andrade, Gabriel Cartolano e Mara Maravilha nos comentários.

"Silvio está achando divertido o Fofobyte, né? (risos) Acho que depois volta a ser Fofocalizando, tenho impressão de que é só uma fase", projeta Leão Lobo.

"Não aguento mais ficar em casa"

Fora do ar na TV, o jornalista segue trabalhando no rádio (grava programas em sua casa) e na internet, onde publica "quentinhas" em seu Instagram e participa de lives para o SBT.

"Não aguento mais ficar em casa", desabafa Leão, que mora com um afilhado de 16 anos. "Em mais de quatro décadas de carreira, só tive três férias. O pior não é estar parado, é a falta de perspectiva. Tenho uma netinha de quatro anos, imagino qual mundo estamos deixando para eles. É assustador".

Leão Lobo gostaria de ter participado da estreia do Triturando. O elenco do programa criticou Regina Duarte pela entrevista à CNN Brasil, em que minimizou a ditadura militar.

"Queria estar no programa para triturar a Regina Duarte. Ela fez peça do Dias Gomes, o Santo Inquérito, super revolucionária, e agora essa mulher canta musiquinha da ditadura, foi lamentável. Que decepção!", critica.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários